Mobile x Desktop: mobile ganha, mas você pode estar perdendo

Mobile x Desktop: mobile ganha, mas você pode estar perdendo

Muito provavelmente, já passamos faz tempo daquela fase em que fazemos sites que sejam mobile-friendly. Criar sites com essa mentalidade reforça o fato de que o desktop continua sendo o foco, fazendo com que o mobile seja apenas um bônus na sua estratégia. Se essa ainda for a sua mentalidade, você já está ultrapassado.

Nos últimos anos, os desenvolvedores e os profissionais de marketing estão falando em construir sites mobile-ready. Você ouve discussões sobre qual o melhor caminho entre sites mobile versus sites com design responsivo. Essas decisões já tiveram seu mérito no passado, também já são mentalidades antigas.

O design e a otimização mobile não podem mais ser consideradas secundárias, ou algo que você também deva estar fazendo. Na realidade, hoje, o desktop é que deveria ser considerado um dispositivo secundário em alguns casos. E todos os seus esforços em desenvolvimento e marketing devem refletir essa realidade. Todos eles.

Mobile Design Versus Desktop Design

Ainda é muito comum para desenvolvedores front-end criar wireframes e compensações para seus sites que não incluem o site mobile. Afinal, é só utilizar um plugin para WordPress depois e tcharaaam: seu site mobile está pronto! Isso é quase como competir pelo segundo lugar.

O mobile não é o futuro — é o presente. Não estamos dizendo que você não precisa de um site desktop, você precisa sim. Mas o mobile está cada vez mais natural para quem procura informações ou notícias, por isso você precisa estar pronto para atender essas necessidades.

Infelizmente, muitos de nós ainda espera ver a versão desktop na tela do celular devido a algumas limitações do dispositivo, mas isso deve mudar. Seus usuários precisam se sentir capazes de fazer no smartphone tudo o que eles fariam no seu site desktop.

Compartilhamento em Mobile Versus Compartilhamento em Desktop

De acordo com um estudo recente da ShareThis, os usuários de internet estão duas vezes mais propensos a compartilhar conteúdo a partir dos seus smartphones ao invés do computador.

Se seus botões de compartilhamento funcionam corretamente no desktop mas não aparecem como deveriam no mobile, você pode estar perdendo dois terços do potencial da sua marca. Muitas pessoas não verão seu conteúdo, simplesmente porque você não facilita o acesso por smartphones.

Muitos sites usam plugins para botões de compartilhamento que não funcionam bem em sites mobile. Às vezes eles até atrapalham a exibição do conteúdo em si. Somos todos a favores de plugins, só garanta que ele poderá ser utilizado por todos os seus usuários.

Conteúdo Mobile Versus Conteúdo Desktop

Apesar de o Google já ter admitido que seus algoritmos para ranqueamento em mobile ainda consideram o conteúdo mostrado em desktop, isso não significa que você não precisa se preocupar com o conteúdo mobile. De acordo com o Google, você pode exibir conteúdo completamente diferentes em cada um dos dispositivos, mas por que você faria isso?

O verdadeiro valor do conteúdo mobile está na maneira que ele é exibido. Diferentemente dos desktops, no smartphone você pode esconder conteúdo em menus sanfona. Isso ajuda a simplificar a área de visualização em cada página, uma vez que ele é exibido à medida que o usuário o demanda. Você pode fazer o mesmo em desktop, mas não sem desvalorizar o conteúdo escondido.

Ao invés de colocar o conteúdo de desktop no celular, você deve fazer o contrário. Escreva e organize seu conteúdo primeiro pensando no mobile, e depois adapte-o para o desktop.

Otimização Mobile Versus Otimização Desktop

Enquanto os algoritmos de mobile utilizarem conteúdo de desktop para ranqueamento, a otimização de palavras-chave para mobile não será diferente da otimização que você já faz para desktop. Ainda assim, é difícil imaginar uma situação em que você queira otimizar textos de maneiras diferentes.

Existem poucos problemas de otimização que variam de acordo com o dispositivo. Na verdade, quando se trata de otimização para mobile, a grande maioria dos casos está em otimizações de design ou otimizações para marketing local.

Uma das coisas que normalmente difere no uso de mobile é que muitas das buscas acontecem quando se procura algo geograficamente próximo ao local da pesquisa. Se seu negócio depende muito de buscas assim, você deve manter seu foco em otimizações locais para usuários de mobile.

Onde o desktop ainda importa: ROI

De acordo com um relatório da eMarketer, o único lugar onde o desktop continua superando a importância é a área de marketing e anúncios pagos.

O retorno sobre investimento (ROI) ainda não se equipara quando se compara os dois dispositivos. O ROI das campanhas mobile ainda está melhorando, mas ainda há um longo caminho a perseguir até que o retorno aumente na mesma proporção que os custos para compensar o esforço de marketing.

Isso indica que ainda não podemos abandonar o design, as otimizações e outras formas de marketing para desktop. O desktop é e sempre será importante até o dia que os computadores de mesa ou os notebooks deixarem de existir. Até lá, você deve continuar otimizando seu site da melhor maneira possível.

Cada vez mais o mobile está tomando conta, mas se você ainda não está preparado não é o fim do mundo. Saiba somente que se você não começar a priorizar o smartphone nas suas estratégias, logo você estará perdendo oportunidades de atingir ou manter a posição de liderança no mundo virtual.

Quer saber mais sobre marketing digital para mobile? Inscreva-se na nossa newsletter e fique de olho nos novos posts que vem por ai! E se você gostou das nossas dicas neste post, compartilhe com os seus amigos e ajude nosso blog a crescer (:

Mobile

Graduado em Ciência da Computação, começou a atuar na área de marketing e tecnologia aos 13 anos, quando criou seu primeiro site que, meses depois, bateu a marca dos 50 mais visitados do Brasil. Aos 17, fundou sua primeira empresa, a Bookess, considerada meses depois umas das 10 melhores editoras virtuais do mundo. Na Rocket Internet, trabalhou na expansão de iniciativas tupiniquins e gringas. Hoje, com mais de 10 anos de experiência, já programa de olhos fechados, fala como um publicitário e é apaixonado por empreendedorismo.

Simple Share Buttons
Simple Share Buttons