Inteligência Artificial: por que até mesmo as pequenas empresas devem utilizar

Inteligência Artificial: por que até mesmo as pequenas empresas devem utilizar

Em 2017, vimos grandes mudanças na maneira como os consumidores interagem com as marcas, graças ao aumento da utilização de plataformas sociais. Os e-commerces assistem já há alguns anos o tráfego de usuários através de dispositivos mobile crescer exponencialmente, mas nem sempre essas visitas são convertidas em vendas. Estas, por sua vez, continuam ocorrendo majoritariamente em desktops.

Os dados provenientes de campanhas de marketing digital mostram que a presença em múltiplos canais auxilia na tomada de decisão, que ocorre gradativamente à medida que o usuário tem contato com a marca e com o conteúdo publicitário. Por isso, especialistas defendem que há muito a ganhar com a priorização de investimentos em inteligência artificial para dispositivos móveis.

O que é inteligência artificial?

O termo inteligência artificial (AI, em inglês) tem uma abrangência bastante grande e pode ser utilizado de diversas formas. Muitas dessas tecnologias ainda estão em fase inicial de desenvolvimento e não atingiram seu potencial, enquanto outras avançaram rapidamente para se transformarem em fatores determinantes de competição.

Duas dessas tecnologias, em especial, impulsionaram o progresso que vemos hoje: o processamento de linguagem natural e a geração de linguagem natural.

O processamento de linguagem natural acontece quando uma máquina lê e interpreta o significado de um texto, enquanto a geração de linguagem natural ocorre quando uma máquina utiliza algoritmos e análises de textos processados para gerar suas próprias palavras. Quer dizer então que ela “aprende” lendo textos e com isso se torna capaz de escrever por conta própria, do mesmo modo que nós, humanos? É isso mesmo.

Se você acha isso surpreendente, pense agora no próximo passo, onde tratamos de um outro aspecto humano: a fala. Com a tecnologia artificial, as máquinas também já são capazes de ouvir, interpretar e falar. E isso não está muito longe da sua realidade. Você com certeza já ouviu a Siri falando ou já utilizou o recurso de tradução do Google. O gigante da internet adicionou essa funcionalidade ao tradutor há alguns anos e recentemente a incorporou também nos fones de ouvido, que traduzem em tempo real dezenas de idiomas.

Algumas ferramentas de marketing já utilizam essa tecnologia para avaliar a eficácia de seus conteúdos, recomendar melhorias e até mesmo identificar conteúdos ilícitos. Outras já conseguem identificar e sugerir títulos de assunto de e-mail que performam melhor do que qualquer título escrito por um humano, fazendo com que as taxas de abertura aumentem consideravelmente.

Para os profissionais de marketing, isso significa estratégias de marketing bem executadas e máximo desempenho em termos de performance. A inteligência artificial, quando aplicada estrategicamente, pode automatizar e aumentar o desempenho de processos de maneira significativa, liberando os profissionais para a realização de outras tarefas de maior valor.

A inteligência artificial nas empresas

Em um mundo cada vez mais competitivo, as empresas se perguntam como podem agir para criar formas de se destacar entre os concorrentes. Erros não são aceitos e é essencial contar com equipes assertivas em todos os setores. A resposta vem da inteligência artificial, que se transforma na chave para o sucesso do negócio.

As empresas que fazem o uso da inteligência artificial e do aprendizado de máquinas de maneira extensiva em suas operações tem a capacidade de se movimentar e se desenvolver em alta velocidade. Isso se concretiza e diversas maneiras:

  • Identificando oportunidades e vulnerabilidades organizacionais em conjuntos de dados massivos;
  • Alocando informações e recursos que permitem pesquisa e desenvolvimento muito direcionados;
  • Permitindo a modelagem preditiva em torno do desenvolvimento de novos produtos e serviços;
  • Implantando de maneira rápida as interações em todas as etapas do ciclo do projeto.

O desenvolvimento desses recursos afeta as empresas através da criação de oportunidades futuras de canais de crescimento, com o aumento da autonomia dos funcionários e com o refinamento da estratégia organizacional e o aumento da produtividade.

Com tantas vantagens proporcionadas pela inteligência artificial, muitos especialistas preveem que mais de 60% das empresas farão uso de algum tipo de recurso ainda no ano de 2018. Além de proporcionar escalabilidade às empresas, ela se mostra uma forma intuitiva de capturar percepções valiosas de clientes, incluindo tendências, comentários sociais e interações online.

Os benefícios da inteligência artificial

Pequenas empresas acreditam que a tecnologia de inteligência artificial está fora do alcance e é restrita às grandes corporações, mas estão enganadas. Empresas dos mais diversos tamanhos, com culturas inovadoras, já investem em recursos de inteligência artificial e têm obtido excelentes resultados na melhoria de seus processos.

A inteligência artificial pode ser utilizada para reduzir custos operacionais, aumentar a eficiência e otimizar a experiência de clientes e usuários. Os principais benefícios são:

  • Aumento da produtividade;
  • Economia de tempo;
  • Minimização de erros;
  • Facilidade de acesso às informações relevantes;
  • Execução de tarefas perigosas ou repetitivas.

Estudos mostram que o mercado de “máquinas inteligentes” que inclui softwares, sistemas, robôs, assistentes digitais e neurocomputadores, deve alcançar a marca de US$ 15,2 bilhões em 2019, representando um crescimento anual próximo a 20%.

Essas máquinas são definidas pela capacidade de aprender e se adaptar às mudanças ocorridas em tempo real, pela capacidade de comunicação com outros equipamentos, e, é claro, pela autonomia.

Ainda é difícil saber, em detalhes, como a tecnologia se desenvolverá nos próximos anos, mas já podemos ver tarefas comuns sendo realizadas facilmente por computadores. Essas percepções apontam para o cenário de que a inteligência artificial será cada vez mais útil e indispensável na rotina das empresas e pessoas.

Quer saber mais sobre inteligência artificial no marketing digital? Inscreva-se na nossa newsletter e fique de olho nos novos posts que vem por ai! E se você gostou das nossas dicas neste post, compartilhe com os seus amigos e ajude nosso blog a crescer (:

Tecnologia

Graduado em Ciência da Computação, começou na área de tecnologia aos 13 anos ao criar seu primeiro site, que bateu a marca dos 50 mais visitados do Brasil. Aos 17, fundou sua primeira empresa, a Bookess, considerada depois umas das 10 melhores editoras virtuais do mundo. Hoje, com mais de 15 anos de experiência, já programa de olhos fechados, fala como um marqueteiro e é apaixonado por empreendedorismo.

Simple Share Buttons
Simple Share Buttons